User-agent: Mediapartners-Google Disallow: User-agent: * Disallow: /search Allow: / Sitemap: https://projectdollarscast.blogspot.com/sitemap.xml Análise semanal - Boku no Hero Academia #102 - DollarsCast

sábado, 6 de agosto de 2016

Análise semanal - Boku no Hero Academia #102

Pensamentos flutuantes... de amor (?)

E tio Ikari CONSEGUIU SER PONTUAL NESSA SEMANA (fogos ao fundo produção!). E aí galerinha, tudo beleza? Espero que sim!
Se você está lendo essa introdução/freetalk fora de ordem deve ter notado que consegui não deixar acumular capítulo de BnHA (ou MHA, uma vez que no BR usaremos a versão internacional do título), logo estamos nos trilhos (de novo). Em todo caso, apenas quero dizer que, com o final de Bleach, as análises de Boku no Hero tendem a sair cada vez mais cedo, mas é isso... vamos ao capítulo e sua análise.

Capítulo #102 – Pensamentos flutuantes

E agora estamos rumando para algum lugar (ou não), pois enfim tivemos um capítulo que escancara para o teste da licença provisória (que, provavelmente, só eu [tapado] não tinha notado que esse era o arco em questão), mas pelo sim ou pelo não teremos um arco, provavelmente, maior que os anteriores (mas podemos ter um arco que não é tão grande, tal qual os demais da série), mas isso é mais aguardando o desenrolar das coisas; aqui eu apenas analiso o que ocorreu no capítulo da semana.
Esse capítulo, em suma, tem uns momentos bem divertidos e que dão margem para algumas coisas que já tinham sido aparentadas lá atrás como, por exemplo, os sentimentos da Uraraka pelo Midoriya; que ficam cada vez mais latentes e difíceis de fingir não existir. Sei que a obra não é dessas que jogam esses fatores em sua narrativa, mas o autor está fazendo algo até que divertido (se não me engano esse é a terceira vez que tocam nesse ponto).
Além disso também tivemos um certo enfoque no fato de todos já se preocuparem mais com a segurança do All Mighty agora que ele está sem poderes, o que é compreensível, pois o cara ainda é inspiração para todos. Porém é perceptível que isso afeta ele, em um todo, mas é algo que dá para ser aceito também, porque até aquele ponto era ele que protegia e se preocupava com o bem-estar de todos, mas é aquilo... os dias de símbolo da paz acabaram, agora ele é apenas um professor que se aposentou de sua carreira heroica. Fora isso, ele não pode se esquecer que deve permanecer vivo para guiar o Izuki, seu sucessor (não que eu pense que ele deva dar favoritismo, mas o cara passou o bastão e agora, no mínimo, deve ajudar o garoto no que der).
Fora tudo isso que citei até aqui, ainda temos uma rápida passada em como se sucederá o teste para licença provisória. O que foi abordado de modo rápido e entendível, em especial porque veremos o teste nos próximos capítulo, mas foi impagável a cara do garotinho da classe B com medo de fazer o teste no mesmo dia da classe A (claramente é notável o senso de inveja que a galera da Classe B possuí, mas ainda sim essa inveja é o que motiva a rivalidade, saudável).
O destaque fica para o final do capítulo, quando descobrimos que há um aluno na escola Shiketsu, que foi chamado para a U.A com as melhores notas do exame e recusou ingressas na escola; ou seja, o cara é mais foda que o Todoroki. O nome dele, Inasa Yoarashi.

O capítulo deixa aquela expectativa para, enfim, começarmos o teste e vermos quem passará e ganhará sua licença provisória (sério, quero que o Mineta ganhe ☻). Mas agora é esperar a próxima semana, com ansiedade, e ver o que esse teste nos reserva.
Postar um comentário